domingo, 7 de agosto de 2011

Obras em tempo recorde em Açailândia

Cavalgada  2011




A cavalgada que foi realizada neste sábado(06) na cidade de Açailândia - MA.Mudou completamente os aspecto da cidade.Cavalos,éguas,bois e carroças enfeitadas para todos os lados,sem falar  nos jumentinhos que em vez em quando 
apareciam montados geralmente por crianças,abrilhantando ainda mais a festa.Cavaleiros e amazonas vestidos com trajes típico para o evento,era o que se via em todos os cantos da cidade.


Parecia estarmos vivendo em uma cidade  do Oeste americano.Um pouco mais moderna claro,mas,um típico filme de faroeste é o que podemos dizer.Com direito a belíssimos animais montados por homens e mulheres bem vestidos,mocinhos e donzelas esbanjando elegância.Porém, não podemos deixar de falar nos   "bandidos"; infratores,que imprudentemente agiam - ao que me parece - na certeza que não seriam importunados" cometendo infração a todos instante no trânsito de nossa cidade.


Boa parte deles influenciados pelo excesso de bebidas alcoólicas  e outros pela índole que lhes é peculiar.Entravam na contra mão, cinto de segurança nem pensar!semáforos parecia que não existiam... Embalados por muita cerveja e bebidas quentes,seguiam fazendo besteiras a todo instante,parecendo está certo que pela "sua importância "no evento,não poderiam ser preso.


Ah! sem falar que meio a tanta urina de animais era possível presenciar "alguns  sem vergonha" mijando como cavalos nas ruas da cidade sem a menor preocupação se estava passando mulheres e crianças.Em meio a tantos episódios bizarros era notável a quantidade de" obras " - quero dizer de fezes - espalhadas pelas ruas da cidade.O que faz lembrar daquela música antiga de ninar...se essa rua,se essa rua ,fosse minha,eu mandava eu mandava ladrilhar...Nooossa!Merda de todas as cores e formas,o mau cheiro então esse sim era notável e diga-se de  passagem insuportável.


Montados em seus cavalos,políticos,comerciantes,fazendeiros,médicos,peões... ninguém se importava..."afinal de contas cocô nas portas dos outros é refresco",ou devo ser mais claro:"A  vaidade de poucos é mais importante que a sua saúde de muitos!"Agora o que mais  me causou espanto e tenho certeza que também "impactou" toda  população de açailândia  foi   a quantidade de "obras" feito em tão pouco tempo nesta cidade.Creio que Açailândia neste sábado(06) entrou para o livro dos recordes.


Durante a passagem dos cavalos vi uma senhora dizer: "O pior de tudo é que os cavalos vão e ficam as merdas."




Luis de França
http://obloggao.blogspot.com

5 comentários:

  1. A cidade está um fedor só.

    ResponderExcluir
  2. Para quem quer ser politico;Bom rever seus conceitos!!!

    ResponderExcluir
  3. Caro leitor!não sei qual foi a sua interpretação quanto ao conteúdo do meu texto,mas quero dizer-lhe que o meu intuíto não foi de forma alguma ser contra a cavalgada.Pelo contrário!A beleza do evento é incontestável,e digo que é uma festa que deve ser realizada muitas e muitas vezes.Agora o que é errado deve ser questionado.Mas pelo que você escreveu eu tenho que ficar vendo as coisas erradas acontecendo e ficar elogiando-as.Se para ser político em Açailândia é concordar com as coisas erradas prefiro ser um simples eleitor.Eu apenas quis fazer os leitores verem o evento por um outro ângulo;o que deve ser concertado...Obrigado pela sua participação.

    ResponderExcluir
  4. CONCORDO COM O PADE.A CAVALGADA FOU MUITO BONITA MAIS FALTOU MAIS ORGANIZAÇÃO

    ResponderExcluir
  5. Eu tava na cavalgada e vi alguns peões exagerando na dose rsrsrsrsr

    ResponderExcluir