terça-feira, 29 de março de 2011

O real motivo da Greve dos Professores



O GOVERNO DO ESTADO COMPROU TODOS OS MEIOS DE COMUNICAÇÃO, MAS NÃO CALOU A INTERNET. POR ISSO DIVULGUE A TODOS OS SEUS CONTATOS E AJUDE A CONSTRUIR A EDUCAÇÃO DO MARANHÃO.

A greve é legítima com a sua pauta acertada em defesa dos direitos da categoria, principalmente na aprovação do estatuto do educador e no reajuste salarial. É absurda a falta de interesse em resolver o impasse causado pelo próprio governo com a categoria, prejudicando milhares de estudantes no estado, fato demonstrado pelas palavras do chefe da casa civil, Luis Fernando, quando declarou que “a greve é boa para o governo porque economiza dinheiro”. O governo está empenhado em divulgar a mentirosa propaganda de normalidade na rede de ensino com o dinheiro do contribuinte.

PAUTA DE REIVINDICAÇÕES DO SINDICATO DOS PROFESSORES:
 Aplicação imediata de Tabela Salarial com base na Lei do Piso (ainda existem professores que ganham hoje R$427,00).
 Aprovação imediata do Estatuto do Educador acordado com o governo em 2010 (todo servidor público tem um Estatuto, e porque o Professor não?)
 Criação de um Plano Estadual de Educação com a participação democrática dos educadores do Maranhão (a educação do Maranhão hoje não existe planejamento a longo prazo)
 Concurso público imediato para funcionários de escola (na sua escola tem vigias? tem zeladores? tem merendeiras? tem bibliotecários? eles são concursados? recebem em dia?)
 Prorrogação da validade do concurso 2009 (o único item que o governo já cumpriu)
 Nomeação dos excedentes do último concurso público (já está cumprindo)
 Concessão imediata das Promoções, Progressões e Titulações
 Regularização de concessão das licenças prêmios
 Cumprimento da decisão judicial, quanto ao pagamento do acordo revogado pela Lei 7.885/2003
 Garantia de horas extras para os educadores que ultrapassarem a jornada de trabalho semanal na unidade de
ensino (o governo quer que em 2011 se trabalhe todos os sábados, com exceção dos feriados, sem pagar horas extras)
 Celeridade no processo de aposentadoria
 Formação inicial e continuada aos educadores
 Ampliação do Programa Pró-Funcionário
 Criação da gratificação de estímulo profissional para funcionário de escola
 Cumprimento da legislação (CEE/MA) vigente quanto ao limite de alunos e sala de aula (existe uma legislação que define que na sala de aula deve ter no máximo 30 alunos, mas o governo não cumpre)
 Isonomia salarial entre os professores contratados e efetivos (porque os contratados recebem menos, quase a metade, dos que os professores concursados?)
 Reajuste imediato do vale transporte (o governo paga um vale transporte, para um professor de ensino médio, menos de R$5,00 por mês)
 Fim da terceirização nas escolas
 Melhoria das condições de trabalho
 Promoção da melhoria das condições de saúde e segurança no trabalho em todos os espaços das escolas públicas estaduais
 Regionalização da assistência à saúde (no contracheque do professor desconta-se obrigatoriamente um valor referente a um plano de saúde que só pode ser usado em São Luís; ninguém tem condições de ir a São Luís para se consultar constantemente)
 Criação de um plano estratégico de recuperação e ampliação das estruturas físicas do sistema educacional

PRECISAMOS DA SUA MOBILIZAÇÃO. DIVULGUE A SEUS CONTATOS. CONTE A SEUS AMIGOS.
É ATRAVÉS DA EDUCAÇÃO DE QUALIDADE QUE SE CONSTRÓI UM PAÍS MELHOR.
Mais informações sobre a greve www.sinproesemma.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário